7 de ago de 2011

Todos os dias sempre o mesmo.

Mesmas pessoas. Mesmos gestos. Mesmas noites vazias. Mesmas saídas. Mesmas frustrações. Mesmos medos. Cansada de tentar mudar. Cansada de todas as tentativas. Cansada do hoje, do amanhã. Cansada da vida e do que isso tudo trazia...

Cansada, cansada, extasiada mentalmente e profundamente doída.

Mãe, me interna, porque eu tô infeliz pra caralho - quis dizer.

Um comentário:

  1. cansada de tentar mudar...
    aiai, tô cansada, mas a mudança é necessária!

    ResponderExcluir